• (11) 3312-5299
SINDICATO DOS TRABALHADORES DA PRODUÇÃO, TRANSPORTE, INSTALAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DE GÁS CANALIZADO DO ESTADO DE SÃO PAULO

Oficinas da Campanha Salarial 2019 preparam dirigentes para negociações sob vigência da reforma trabalhista

22/03/2019
Com cerca de 60 dirigentes e negociadores de todas as empresas de energia elétrica e gás natural canalizado do estado de São Paulo, o Sinergia CUT realizou Oficinas da Campanha
Salarial 2019, para prepará-los para as negociações e definir a estratégia de mobilizações neste ano.
 
As campanhas salariais ocorrerão em uma conjuntura adversa e bem diferente dos anos anteriores, em plena vigência das regras impostas pela reforma trabalhista e sob ataque
do desgoverno Bolsonaro que joga todas as fichas na aprovação da reforma da Previdência.
Uma das grandes preocupações dos dirigentes é que os acordos de várias empresas vencem neste ano. Com isso, os trabalhadores terão de se mobilizar para a defesa de todos os
seus direitos e benefícios conquistados em campanhas anteriores, lembrando que os acordos coletivos são antídotos contra o corte de direitos introduzido pela reforma trabalhista.
 
A estratégia nesses casos será adiantar as assembleias de abertura das campanhas, a entrega antecipada das pautas de reivindicações e a luta pela prorrogação dos acordos coletivos.
No setor do gás, esse é o caso do acordo da Comgás, com data-base em junho, onde já foram realizadas assembleias e definido que a Pauta de Reivindicações é o próprio Acordo
Coletivo; e da Gás Brasiliano Distribuidora, com data-base em setembro, onde a campanha salarial também será adiantada, dentro da mesma estratégia.
 
O Sindgasista já entregou a Pauta de Reivindicações e propôs um calendário para as negociações para o qual aguardamos um retorno da empresa. Há uma preocupação da direção sindical com essa campanha devido ao histórico problemático das relações com os
atuais controladores. No entanto, os trabalhadores estão conscientes e dispostos a lutar pelo nosso ACT.
 
Por esse motivo, as assembleias do dia 22, tem uma grande importância para todos os trabalhadores, pois na pauta estão os seguintes assuntos: 1) informações sobre o processo
de dissídio coletivo relativo à campanha de 2018; 2) discussão sobre as táticas para a campanha salarial Comgás deste ano; e a organização da luta contra a aprovação da reforma da Previdência. Veja abaixo o horário em seu local de trabalho, ajude a mobilizar os colegas e compareça.
 
Na Comgás campanha nas mentes e corações


 
  Voltar
X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok