• (11) 3312-5299
SINDICATO DOS TRABALHADORES DA PRODUÇÃO, TRANSPORTE, INSTALAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DE GÁS CANALIZADO DO ESTADO DE SÃO PAULO

SINERGIA GASISTA IRÁ COMPOR FRENTE PELO ‘FORA BOLSONARO’

03/06/2020
No dia 20 de maio, a direção do Sinergia Gasista participou de um encontro da CUT-SP com os ramos, presidentes dos sindicatos paulistas e que contou com a participação do presidente da CUT Nacional, Sérgio Nobre.
 
A campanha ‘Fora Bolsonaro’ tem como objetivo frear a crise sanitária, econômica e política agravada pelo governo que é incompetente para estabelecer estratégias unificadas de combate ao coronavírus e sempre foi um deserto de ideias para o crescimento econômico.
 
Mesmo sem a pandemia, o PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil de 2019, índice que mede o desenvolvimento da economia, cresceu apenas 1,1%, inferior até mesmo aos números apresentados nos dois anos do golpista Michel Temer.
 
TRABALHO E PREVIDÊNCIA
Com Bolsonaro, a informalidade explodiu e o número de trabalhadores sem carteira assinada atingiu o recorde de 41,4% dos ocupados, segundo levantamento do IBGE.
 
Outra maldade do governo foi a aprovação da reforma da Previdência que estabelece a aposentadoria de 65 anos para homens e 62 anos para mulheres e acaba com o benefício por tempo de contribuição, entre outros ataques.
 
GESTÃO DA CRISE
Tudo isso muito antes de o coronavírus, chamado de “gripezinha” pelo presidente, paralisar o país.
 
Insensível à população, Bolsonaro pressionou pela volta da economia para atender aos interesses dos empresários e demonstrou completo desprezo pelas vidas ceifadas pela COVID-19.
 
Em abril deste ano, quando questionado sobre o Brasil ter ultrapassado a China em número de mortos, deu uma aula de desprezo aos brasileiros: “‘E daí? Lamento. Quer que eu faça o quê?”
 
Vale lembrar ainda que a proposta de Bolsonaro e seu ministro da Economia, Paulo Guedes, para o auxílio emergencial oferecido aos informais e pessoas de baixa renda era de R$ 200. O valor foi elevado para R$ 600 no Congresso por conta de uma contraproposta de parlamentares da oposição ao governo, atendida pela maioria dos deputados.
 
Nesse brevíssimo resumo, que poupa muitas outras barbaridades, fica claro que, se o Brasil não interromper o governo, o governo acabará com o Brasil, conforme aponta a presidenta do Sinergia Gasista, Deise Capelozza.
 
“Sempre buscamos separar a política institucional da luta em defesa da classe trabalhadora, mas não podemos abrir mão do nosso papel de nos colocarmos ao lado dos trabalhadores, que são as maiores vítimas desse governo”, afirma.
 
PRÓXIMOS PASSOS
Nacionalmente, a campanha pelo ‘Fora Bolsonaro’ fará uma ação de visibilidade no dia 5 de junho e também está prevista uma live de artistas e cantores no dia 13 de junho.
 
Já o Sinergia Gasista fará uma consulta à base por meio do site para ouvir os trabalhadores sobre o tema, nos moldes da campanha salarial da Comgás e do Sindinstalação.
  Voltar
X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok